A denúncia de fraude na eleição da doutora Michele Ramalho começa a ter um novo desdobramento, depois que o escândalo na eleição da FPF – Federação Paraibana de Futebol, tornou-se público através da veiculação de matéria no Esporte Espetacular no ano passado.

Na próxima segunda-feira (7), o ex-diretor de registro da FPF – Federação Paraibana de Futebol, Ademário Cavalcante, vai estar numa das salas do Gaeco do Ministério Público para esclarecer vários pontos da denúncia jogada no asfalto pela Rede Globo de televisão.

Ademário, como se sabe, foi um dos personagens do noticiário nacional e conhece como ocorreu a fraude, por onde tudo começou e, portanto, o MP vai em cima das supostas falcatruas.

Assim é mais um capítulo que começa a ser escrito na gestão do futebol como possíveis novos elementos desse escândalo, que poderá culminar com a intervenção na FPF, a exemplo do que já ocorreu com o Tribunal de Justiça Desportivo.



Fonte: Polêmica Paraíba com Blog do Marcone Ferreira

Créditos: Polêmica Paraíba

Comentários

comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here