Neste domingo, dia 12 de maio, a Justiça Federal, através da Subseção Judiciária de Patos, em decisão do juiz Dr. Cláudio Girão Barreto, tornou pública a sentença dos envolvidos na Operação Recidiva.

A Operação Recidiva desbaratou esquema criminoso que desviava dinheiro público de obras em diversas cidades da Paraíba e demais estados. As investigações foram iniciadas pelo Ministério Público Federal (MPF), Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União (CGU).

Na decisão, o juiz federal Dr. Cláudio Girão Barreto determinou as seguintes reclusões e detenções: Dineudes Possidônio terá 06 anos de reclusão e 15 de detenção; Marconi Edson “Duda” 04 anos de reclusão e 15 de detenção; Charles Willians 04 anos de reclusão e 15 de detenção; Madson Lustosa 04 anos de reclusão e 15 de detenção; Assis Ferreira (Assis Catanduba) 04 anos de reclusão; Naiane Moreira 03 anos de reclusão e 10 de detenção; Luís Felipe 03 anos e 06 meses de reclusão e 12 anos e 06 meses de detenção.

Os condenados perdem funções públicas e de acordo com informações alguns já decidiram por delação premiada. A delação pode trazer outros desdobramentos na Operação Recidiva.

 

Jozivan Antero – Patosonline.com

 

Comentários

comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here